Servidores da Saúde recebem capacitação no atendimento de afogados

Equipe de Resgate do Estado aplicou treinamento em 35 funcionários da

Sesap




O Sistema de Resgate do Governo do Estado de São Paulo, composto pelo

Corpo de Bombeiros, Grupamento Aéreo da Polícia Militar e GRAU (Grupo de

Resgate e Atendimento às Urgências) realizou um treinamento com 35

médicos, enfermeiros, técnicos e condutores do SAMU (Serviço de

Atendimento Móvel de Urgência) e Pronto-Socorro Quietude. De acordo com o

diretor do GRAU Jorge Michel Ribera, “a capacitação aprimora os

conhecimentos dos profissionais em relação aos níveis de afogamento que

vão de 1 até 6 e os tipos de tratamentos propostos para cada nível”.


O diretor explica ainda que muitos desses profissionais poderão passar

esse conhecimento adiante. “Muitos são formadores de opinião, dão

palestras em escolas e em outros locais e podem auxiliar a população de um

modo geral. A prevenção é um fator de extrema importância, uma vez que o

índice de mortalidade dos afogamentos é alto”, complementou.

A diretora Departamento de Urgência e Emergência e Atenção Hospitalar da

Secretaria de Saúde Pública (Sesap) de Praia Grande, Camila Savazzi de

Abreu, comemora a iniciativa. “Capacitações como essa ajudam na preparação

da nossa equipe, deixando os profissionais mais treinados para ações

rápidas e eficientes na assistência aos afogados”.


Parceria - Com a chegada do verão, o trabalho dos guarda-vidas,

socorristas, médicos e outros profissionais da Saúde, aumenta

consideravelmente em Praia Grande, que é a cidade da região que mais

recebe turistas.


Pensando nisso e com o objetivo de melhorar o tempo de resposta e a

qualidade do atendimento aos afogados nas praias, o Sistema de Resgate do

governo do Estado de São Paulo, composto pelo Corpo de Bombeiros,

Grupamento Aéreo da Polícia Militar e GRAU (Grupo de Resgate e Atendimento

às Urgências), firmou uma parceria com a Secretaria de Saúde Pública

(Sesap) de Praia Grande, na qual, além dos guarda-vidas, uma equipe de

resgate ficará nas praias da Cidade durante toda a temporada de verão.


A equipe conta com dois enfermeiros e uma Unidade de Resgate Aquático que

poderá transportar o afogado até um pronto-socorro. “Um enfermeiro pode

realizar procedimentos que um guarda-vida não pode, isso com certeza ajuda

na qualidade do atendimento inicial, principalmente dos casos mais

graves”, explica o diretor do GRAU Jorge Michel Ribera.


A equipe vai usar o sistema de rádio do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel

de Urgência) para se comunicar com os médicos e Prontos-socorros da

Cidade. A base fica na praia do Bairro Mirim, porém, toda a orla recebe

atendimento.



Subsecretaria de Comunicação

Município de Praia Grande

Contatos: (13) 3496-2010 / 2186 / 2216 /2195

http://www.praiagrande.sp.gov.br

Banco de imagens: http://www.cidadaopg.sp.gov.br/imprensa/fotos